30/11/2016 às 12:42:37

Dormir sozinho faz bem para a saúde, diz estudo

Por Taty Bruzzi
http://m.natelinha.uol.com.br/espelhomeu/imagem/noticia/detalhe/espelhomeu--dormircapa.jpg?h=20161130165059 Dormir sozinho

Para um casal, dormir juntinho é um dos hábitos mais comuns. Já para estudo realizado no Reino Unido, optar por dormir sozinho, mesmo para quem é casado, seria o mais apropriado.

De acordo especialistas, dividir a cama com o parceiro tem suas desvantagens. Às vezes, enquanto um mexe demais ou fala dormindo, o outro tem o sono leve ou sofre de bruxismo. Problemas suficientes para atrapalhar uma noite de sono.  
   
A pesquisa realizada pela Universidade de Leeds e Silent Night aponta que essas eventualidades não só irritam como, também, prejudicam a qualidade do sono de ambas as partes, podendo, inclusive, afetar a saúde. Saiba mais!



Dormir em quartos separados é a opção mais adequada

Na opinião de profissionais, uma noite mal dormida afeta de forma negativa a qualidade de vida, prejudicando todo o processo de funcionamento do organismo, influenciando o humor, a aparência da pele, os hábitos alimentares e digestivos.
 
Dentre as pessoas entrevistadas, 29% apontaram o parceiro (a) como obstáculo para um sono sem interrupções. Segundo Guy Meadows, co-fundador da “The Sleep School", raramente duas pessoas apresentam os mesmo hábitos de sono.

Em entrevista ao Daily Mail, o cientista afirma que ao mesmo tempo em que dividir uma cama com outra pessoa pode ser prazeroso, pode ser um processo difícil quando se pensa em costumes noturnos.  

Já de acordo com a doutora Nerina Ramlakhan, especialista em sono da Silent Night, para alguns casais dormir em quartos separados pode garantir uma noite mais tranquila, um sono mais repousante e relaxante.

Por outro lado, segundo estudo realizado pela LM Research, nos EUA, 36% dos voluntários tem dificuldades para dormir se não derem um beijo de boa noite no parceiro. Sendo assim, para saber em qual dos dois casos você se inclui, a dica é prestar atenção aos sinais.


Comentários

* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!