famosos

Para apoiar Bolsonaro, Marcelo de Carvalho erra e acusa Globo de defender pedofilia

Dono da RedeTV! compartilhou vídeo de Eduardo Bolsonaro nas redes sociais

Publicado em 20/09/2019 às 17:30

Por Naian Lucas


 Para apoiar Bolsonaro, Marcelo de Carvalho erra e acusa Globo de defender pedofilia
Marcelo de Carvalho que afirmou erroneamente que a Globo defendeu a pedofilia. Foto: Divulgação

Marcelo de Carvalho utilizou suas redes sociais para acusar a Globo de defender a pedofilia. O dono da RedeTV! compartilhou um vídeo com o discurso do deputado federal Eduardo Bolsonaro, em que o filho do presidente diz que a GloboNews havia defendido o tema.

Em seu perfil pessoal no Twitter, o apresentador do "Mega Senha" deu um retuíte numa postagem de Eduardo Bolsonaro com um discurso na Câmara em que ele se posiciona contra a Globo por conta de uma reportagem que foi ao ar neste ano no canal de notícias.

publicidade

"A internet ainda é livre. Então não adianta a Globo dizer o que eu tenho que pensar. Não adianta a GloboNews dizer que a pedofilia é uma doença e não é um crime. Ali nós somos livres. Segundo porque a gente quebra a espiral do silêncio. Se vem uma notícia, vou pegar esse exemplo que usei da GloboNews: 'pedofilia não é crime', ou 'pedófilo precisa de tratamento ambulatorial, tem que ir pro hospital'. Se ninguém falar nada eu vou pensar que os deputados concordam com isso e todo mundo fica quieto. Quando na verdade, o que ocorre é ao contrário. Por exemplo, eu sou contra a ideologia de gênero e sou o deputado mais votado da história do país", discursou o filho do presidente Jair Bolsonaro.

Marcelo de Carvalho aproveitou a oportunidade para fazer novas críticas à Globo por conta do tema. "A Globo dizer que pedofilia NÃO É CRIME, deve 'ter tratamento' é das maiores barbaridades que já ouvi. Quem aqui é pai, mãe, decente, se enoja com isso. Parabéns ao @BolsonaroSP [perfil de Eduardo Bolsonaro no Twitter] pelo pronunciamento oportuno. Aliás crime deveria ser a Globo falar uma barbaridade dessas", cravou o empresário.

publicidade

A crítica de Marcelo de Carvalho e de Eduardo Bolsonaro contra a Globo e a GloboNews, na verdade, não procede. A própria gravação divulgada pelo filho de Jair Bolsonaro mostra o que diz a reportagem veiculada pela emissora da TV a cabo.

A legenda diz: "pedofilia é uma doença crônica que não tem cura, mas tem tratamento".

publicidade

Pedofilia é crime?

O NaTelinha verificou que a reportagem da GloboNews tem razão. Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde), "a pedofilia é uma doença em que o indivíduo possui um transtorno psicológico e, assim sendo, apresenta desejo, fantasia e/ou estímulo sexual por crianças pré-púberes. É uma doença e, como tal, deve ser encarada e tratada".

publicidade

A reportagem conversou com uma psicóloga que confirmou a informação. Segundo Juliana Koji, existem uma série de estudos que comprovam que a pedofilia é um transtorno e que tem tratamento, embora não tenha cura.

Inclusive, existem tratamentos alternativos para o caso.

publicidade

Psi já tratou do tema

A série da HBO, "Psi", dedicou um episódio da primeira temporada para falar de pedofilia. Nela, um personagem mostrava como se relacionava com a doença e que, a fim de não se relacionar com crianças, encomendava vídeos no Japão que eram produzidos com bonecos no melhor estilo mangá.

publicidade

"Psi" é escrita por Thiago Dottori ("Pais de Primeira", "Turma da Mônica - o filme") e criada por Contardo Calligaris, um dos psicólogos mais respeitados do Brasil. O episódio em que tratou do tema se chama "Fantasia é crime?" e foi o oitavo da primeira temporada. A série já conta com quatro temporadas.

O que é crime então?

Segundo a legislação brasileira e o Estatuto da Criança e do Adolescente, não existe nenhum crime para pedofilia, mas contra o abuso e a exploração de crianças e adolescentes.

publicidade

O Código Penal prevê em seus artigos 217 e 218 que é crime "o estupro de vulnerável", assim como a "mediação de menor de 14 anos para satisfazer lascívia de outrem", também "satisfação de lascívia mediante a presença de menor de 14 anos" e "favorecimento da prostituição ou outra forma de exploração sexual de criança, adolescente ou vulnerável".

Já no Estatuto da Criança e do Adolescente o tema também é tratado em seu artigo 241 que considera crime "comércio de material pedófilo", ou "difusão da pedofilia", além de "posse de material pedófilo", além do "simulacro da pedofilia" e por fim o "aliciamento de crianças".

publicidade

TAGS

marcelo de carvalho

eduardo bolsonaro

globo

globonews

pedofilia

psi

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!


FECHAR