Governo Bolsonaro

Mário Frias é empossado secretário de Cultura em cerimônia secreta

O ator de 48 anos está substituindo Regina Duarte

Publicado em 24/06/2020 às 13:17


 Mário Frias é empossado secretário de Cultura em cerimônia secreta
Mário Frias toma posse como secretário de Cultura - Foto: Roberto Castro/MTur

Redação NT
i
X

Redação NT

O NaTelinha é um site pioneiro em entretenimento e cultura de televisão no Brasil, sendo referência por sua ética e credibilidade, trazendo sempre a verdade, como deve ser. Twitter: @sitenatelinha / Instagram: @sitenatelinha / facebook.com/sitenatelinha

Publicado em 24/06/2020 às 13:17

Anunciado na sexta-feira (19), o ator Mário Frias tomou posse como o novo secretário de Cultura do governo Bolsonaro na noite da última terça (23), em cerimônia secreta, sem qualquer pompa. Tudo aconteceu no gabinete do ministro do turismo, Marcelo Álvaro Antônio, sem a presença da imprensa e nem do presidente.

continua depois da publicidade

A confirmação só apareceu no Twitter oficial do Ministério do Turismo, ao qual a Secretaria de Cultura está ligada.

A posse de Mário Frias nem de perto lembra a de Regina Duarte, antecessora no cargo. A veterana na dramaturgia da Globo contou com uma cerimônia no Palácio do Planalto e discurso do presidente Jair Bolsonaro. A imprensa e dezenas de convidados também estavam presentes no local.

O ator é o quinto nome a ocupar o cargo de secretário da Cultura do atual governo. Regina Duarte, Roberto Alvim, Ricardo Braga e Henrique Pires são os outros nomes que já passaram pela cadeira durante os 17 meses de mandato do atual presidente.

continua depois da publicidade

Carreira de Mário Frias como ator e apresentador

Aos 48 anos, Mário Frias tem uma carreira de 24 anos na TV. Iniciou em 1996 fazendo participação especial no infantil Caça Talentos e não parou mais. Esteve em Malhação por três vezes, com personagens diferentes, nas novelas As Filhas da Mãe (2001), O Beijo do Vampiro (2002) e Senhora do Destino (2004), ambas da Globo.

Em 2006 viveu o protagonista Conde Máximo Augusto Caldeirão de Alicante na segunda temporada de Floribella, na Band. Também passou pela Record com as novelas Os Mutantes (2008), Promessas de Amor (2009) e Bela, a Feia (2009). Em 2010 investiu na carreira de apresentador e comandou por três anos o programa O Último Passageiro, veiculado com sucesso pela RedeTV!.

continua depois da publicidade

No ano passado retornou às novelas em participação especial em Verão 90. Desde julho de 2019 apresenta o programa A Melhor Viagem, exibido aos domingos pela RedeTV!.


TAGS

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!


FECHAR