Casa do Mickey

Disney+ marca lançamento de streaming no Japão

O serviço custará cerca de US$ 6,49 mensais

Publicado em 28/05/2020 às 09:29


 Disney+ marca lançamento de streaming no Japão
Disney chega ao Japão em junho

Redação NT
i
X

Redação NT

O NaTelinha é um site pioneiro em entretenimento e cultura de televisão no Brasil, sendo referência por sua ética e credibilidade, trazendo sempre a verdade, como deve ser. Twitter: @sitenatelinha / Instagram: @sitenatelinha / facebook.com/sitenatelinha

Publicado em 28/05/2020 às 09:29

O serviço por streaming da Disney, o Disney+, será lançado no Japão no próximo dia 11 de junho, depois de ter feito uma parceria exclusiva com a NTT Docomo, principal operadora de celular do país.

continua depois da publicidade

A Disney já possuía um serviço de assinatura na Terra do Sol Nascente chamado de Disney Deluxe, lançado com a NTT Docomo no ano passado. Os assinantes terão seu serviço atualizado automaticamente.

Assim como em outros países, o Disney+ apresentará conteúdo da Disney, Pixar, Marvel, Star Wars e National Geographic, além de conteúdos originais. O serviço custará US$ 6,49 por mês.

"O Disney+ foi lançado com o sucesso na Austrália, Nova Zelândia, e recentemente na Índia, com o Disney+ Hotstar. Estamos entusiasmados em agora trazer a magia do Disney+ para nossos consumidores no Japão e continuar entretendo nossos fãs leais aqui com as histórias emocionantes da Disney e personagens amados", disse Uday Shankar, presidente da APAC da Walt Disney Company.

continua depois da publicidade

Explosão de assinantes

Segmento em plena ascensão com mais pessoas em casa confinadas, o streaming tem inúmeras opções e a recém-lançada Disney+ é uma delas. No ar desde novembro do ano passado, a Disney+ está recebendo uma "grande ajuda" da Covid-19, o novo coronavírus, e pode atingir 202 milhões de assinantes globais até 2025.

A projeção foi realizada pela empresa britânica Digital TV Research. A perspectiva está muito acima da feita anteriormente, que calculava cerca de 126 milhões em torno de cinco anos.

"Revisamos completamente nossas previsões para 138 países após a pandemia do Covid-19", disse Simon Murray, analista principal da Digital TV Research ao site Deadline. O lançamento do streaming no Japão pode fazer com que o número tenha um acréscimo ainda maior.

continua depois da publicidade

TAGS

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!


FECHAR