Sucessos

Efeito Betty em NY: Conheça novelas da Telemundo que poderiam passar no SBT

Tramas foram bem-sucedidas internacionalmente

Publicado em 07/01/2020 às 05:53


 Efeito Betty em NY: Conheça novelas da Telemundo que poderiam passar no SBT
Novelas da Telemundo - Foto: Montagem

Naian Lucas
i
X

Naian Lucas

Naian Lucas escreve há 10 anos e já fez de tudo um pouco nas redações. Apaixonado por televisão, é roteirista e trabalha na área desde 2014. Atualmente, é repórter do NaTelinha e aficcionado por tudo que envolve dramaturgia. Siga-me no Twitter: @naiaan

Publicado em 07/01/2020 às 05:53

O SBT vai estrear em janeiro a novela Betty em NY (2018), uma produção da Telemundo, rompendo uma hegemonia da Televisa na programação da emissora. Além dessa, a produtora americana possui outras tramas que poderiam ser compradas e exibidas na tela do canal de Silvio Santos mais adiante.

continua depois da publicidade

O NaTelinha listou cinco enredos da Telemundo que fizeram sucesso internacional e, quem sabe, possam chegar ao Brasil pelo SBT.

Confira:

La Reina del Sur (2011)

Kate del Castillo teve a responsabilidade de interpretar Teresa Mendonza, uma jovem que nasceu no México e se tornou a mais poderosa traficante de drogas do sul da Espanha. A história fez tanto sucesso internacionalmente, que ganhou um remake como série, intitulada de Queen of the South (2016), estrelando a brasileira Alice Braga.

No dia 02 de abril de 2019, a Telemundo estreou uma segunda temporada e Teresa precisará retornar ao mundo do narcotráfico após sua filha Sofia ter sido sequestrada. A produção pode ser vista na Netflix e conta 63 capítulos na primeira temporada e 60 na segunda.

continua depois da publicidade

Em 2015, Glória Perez comemorou em seu blog quando a produção foi comprada pelo Globosat. “Eu vi essa novela quando ela foi lançada, em 2011, pelo site da Telemundo: é ótima”, disse a autora. A escritora também relembrou que Roberto Stopello – responsável pela adaptação de O Clone na versão hispânica – foi quem chefiou o roteiro de La reina del sur.

La Patrona (2013)

Gabriela Suárez (Aracely Arámbula) trabalha como mineradora e a área que vive é explorada pela família Antônia Guerra. O pai da mocinha descobre outra região para poder explicar, mas cria um enorme conflito com a poderosa família que deu emprego a eles durante anos.

continua depois da publicidade

Tudo piora quando Alejandro (Jorge Luis Pila), filho mais velho de Antônia, volta para San Pedro e assume os negócios da família. Ele se apaixona por Gabriela, só que várias situações farão com que eles se afastem.

Com 127 capítulos, a trama é cheia de romance, drama, ação e vilanias, o que pede um bom folhetim. A história se trata de um remake da novela venezuelana La dueña, produzida em 1984.

La Impostora (2014)

A história é sobre a vida de Blanca Guerrero (Lisette Morelos), uma garçonete que vive em Puerto Vallarta e tem grande habilidade de imitação. Ela é contratada por Adriano Ferrer (Manuel Landeta) para representar um investidor milionário, só que a moça não aceita num primeiro momento.

continua depois da publicidade

Seu pai Guilhermo (Paco Mauri) descobre que tem sérios problemas de saúde e Blanca volta atrás para pagar o tratamento do familiar. Ela se transforma em Victoria San Marino e se infiltra na família Altamira para descobrir o paradeiro do filho desaparecido de Adriano. O problema que ela se apaixona por Eduardo (Sebastián Zurita), colocando seu plano em risco.

A trama teve 120 capítulos e também foi exibida no México. A história é uma adaptação de Cerro Alegre e as gravações aconteceram na Cidade do México.

Dueños del Paraíso (2015)

Uma trama escura e que narra a vida de Anastasia Cardona, interpretada por Kate del Castillo, protagonista de La reina del sur. Como viveu a vida toda na miséria, ela entra para o mundo do Narcotráfico para se tornar uma das mulheres mais poderosas do planeta.

continua depois da publicidade

Com muitos traumas, ela decide se vingar da traição do seu marido e encontra em negócios ilícitos uma oportunidade para saciar sua sede de poder. Pouco a pouco, sua história vai entrando em situações perigosas e a levando para um caminho muito escuro.

A história contou com 71 capítulos e atualmente está disponibilizada na íntegra na Netflix. A produção foi exibida originalmente pela Telemundo e TVN, emissora do Chile.

La Doña (2016)

O enredo é sobre vingança, traição e muita sedução, relatando a trajetória de Altagracia (Aracely Arámbula), uma mulher abusada e com um passado tenebroso. Ela foi vítima de estupro na adolescência e deu a luz para Monica, mas a moça rejeitou a criança.

continua depois da publicidade

As duas voltam a ter uma forte ligação quando se apaixonam por Saul Aguirre (David Chocarro), um ativista feminista que defende as mulheres e suas causas. Entre dramas e medos, a história vai se conectando em 120 capítulos da primeira temporada.

La Doña é uma adaptação moderna da telenovela Doña Barbara e fez muito sucesso, tanto que sua segunda temporada vai estrear no dia 13 de janeiro e a previsão é que tenha 80 capítulos.


TAGS

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!


FECHAR